A RAINHA DAS AVES

AVES

Por que escolhemos o que escolhemos? Normalmente escolhemos algo com base em critérios instintivos e imediatos, seja por que gostamos, ou porque os nossos amigos gostam, porque nos é familiar ou porque, simplesmente, nos parece bem.

No entanto, escolher alguma coisa implica pensar um pouco mais e melhor sobre o que nos deve levar a escolher alguma coisa. Implica saber quais os critérios que devemos ter em consideração para tomarmos uma escolha mais acertada.

Pensar sobre os critérios das nossas escolhas é, assim, uma competência de pensamento crítico fundamental que implica duas competências distintas: escolher esses critérios e perceber o que cumpre e não cumpre esses critérios.

Partindo do belíssimo livro “A rainha das aves” de Helen Ward (autora de “A lebre e a tartaruga“, editado em Portugal também pela Caminho) em que uma assembleia de centenas de aves procura escolher a sua rainha propomos aqui um exercício que leva os nossos alunos a pensarem sobre o que escolher e, mais importante, como devem fazer as suas escolhas. É também uma oportunidade de introduzirmos subtilmente na sua “Caixa de Ferramentas para Pensar” o conceito de “critério”.

1)Começamos por pedir aos alunos que desenham e pintem a ave que consideram que devia ser a Rainha das Aves e digam porquê. (ex: o pavão é bonito, a águia é veloz, etc.)

Resultado de imagem para helen ward a rainha das aves

2) Em seguida lemos a história até à altura em que uma das aves (o papagaio) pergunta: “Como é que escolhemos a rainha?”

Reparem que a pergunta não é “quem deve ser…”, mas “como é que escolhemos…”, ou seja, pede um critério de escolha. E é isso que devemos perguntar aos nossos alunos e pedir-lhes que justifiquem os critérios que avançarem:

Para os nossos alunos mais novos devemos procurar uma formulação mais fácil da pergunta anterior. Algo como: “A rainha das aves deve ser a mais…?

(alguns critérios avançados por alunos do 1º ano)

… veloz, porque assim chega mais rápido aos sítios.

…forte, para defender as outras.

…chique, para estar sempre bonita.

… corajosa, porque assim não tem medo dos predadores.

… perspicaz, para saber comunicar com todas as aves.

… inteligente, para saber tudo.

… a que tenha uma postura real, para mostrar que pode ser rainha.

… bonita, porque as rainhas são sempre bonitas.

… pequenina, porque se esconde mais facilmente.

… a que voa mais alto pois assim vê todas as aves e todas as vêem.

… que tenha um bocadinho disto tudo.

Imagem relacionada

3) Em seguida fazemos um diálogo sobre a importância e pertinência dos critérios avançados “ex. é importante uma rainha ser bonita?”)

e

4) procedemos à votação do critério mais adequado.

5) Em seguida, em pequenos grupos, os alunos devem indicar que ave melhor cumpre esse critério escolhido (aqui os ornitólogos da turma poderão brilhar).

No final da sessão lemos a história até ao fim até percebermos o critério que as aves usaram para escolher a sua rainha (depois de uma surpresa final!) e perguntamos se

Resultado de imagem para helen ward a rainha das aves

6) As aves usaram um bom critério para escolher a sua rainha?

Anúncios

One thought on “A RAINHA DAS AVES

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s