EL TRASERO DEL REY

trasero.jpg

Ou “O Rabo do Rei” (como queiram) é uma divertida história escrita por Raquel Saiz e ilustrada por Evelyn Daviddi, que fará os nossos alunos rir às gargalhadas e pensar sobre a importância (ou não) de certas pessoas.

Para despertarmos os alunos no início desta sessão sugiro começarmos por um exercício de diálogo ao mesmo tempo rápido e movimentado, antes de passarmos à história e ao diálogo sobre a importância propriamente ditos.

  1. Dividir a sala em três espaços: direita centro e esquerda (ou amarelo, verde e azul, ou qualquer outra classificação que a sala permitir)
  2. Os alunos escolhem um dos três espaços de acordo com a resposta que derem aos seguintes dilemas. Uma das zonas está reservada para uma das respostas do dilema, outra para outra e o centro (ou o azul, etc.) para os indecisos ou os que não tiverem uma resposta.
  3. Utilizando elementos cénicos da história perguntamos qual deles é mais importante? Uma coroa ou uma alface? Um alfinete ou um garfo? Meias ou sapatos? Colchão ou Cama? Uma galinha ou um ovo?
  4. Os alunos vão para o lado da sala que estiver destinado à sua resposta e dão uma razão para a sua escolha. A zona do meio fica para aqueles que estiverem indecisos ou para os que tiverem ido para um dos lados apenas porque os seus amigos foram e sem terem uma razão para defender a sua escolha.

trasero3

Após este exercício lemos a história aos nossos alunos e, no final, colocamos as seguintes perguntas (usamos aqui os três tipos de perguntas sugerida por  Thomas Wartenberg: perguntas de interpretação, especulação e reflexão)

  1. O que é que o rei pôs na cabeça? (é sempre bom começarmos os nossos diálogos por uma pergunta de interpretação para chamar os alunos mais distraídos ou aqueles mais inseguros a participar).
  2. Por que é que os reis usam coroas? (alguns alunos já saberão que os reis usam coroa, mas não saberão porquê, pelo que esta é uma boa oportunidade para especularem sobre as causas desse hábito)
  3. Por que é que ninguém queria tocar no rabo do rei? (novamente uma pergunta de especulação que poderá lançar os alunos numa exploração das motivações e receios da psique humana)
  4. O rei é mais importante que as outras pessoas? (esta é uma boa pergunta de reflexão fechada – pede resposta “sim” ou “não” para iniciarmos uma reflexão sobre o conceito de “importância”)
  5. Esta poderá ser a última pergunta do nosso diálogo mas, consoante o nosso tempo e a maturidade do nosso grupo poderá ainda haver espaço para outras tais como: “O que faz com que uma pessoa seja importante?” ou “O que é ser importante?”
  6. Para uma sessão de continuidade podemos inventar uma história de um “rei muito importante. Tão importante, tão importante que não queria viver com alguém menos importante que ele. Assim, expulsou toda a gente do seu reino (uma ilha) e ficou a viver sozinho no seu palácio até ao fim dos seus dias. Na hora da sua morte pensou para consigo: “Ainda sou importante?”
  7. Este episódio levanta questões como: “Podemos ser importantes sozinhos?”; “Precisamos dos outros para ser importantes?”; “Somos importantes ou os outros é que nos acham importantes?”

 

Por vezes a direcção que alguns diálogos tomam podem levar os alunos a terem que reflectir sobre condições necessárias e suficientes para se ser rei. Encontrar condições necessárias e suficientes de conceitos é uma das tarefas a que os filósofos se dedicam. Tarefa que nem sempre é fácil como os nossos alunos irão descobrir.

Podemos, por exemplo, perguntar se “Um rei tem de usar coroa?”, ou se “Um rei sem coroa continua a ser rei?”. Com estas duas pergunta os alunos estarão a pensar sobre condições necessárias, ou seja se é preciso ter uma coroa para se ser rei.

Já se perguntarmos algo do género “Se qualquer pessoa usar uma coroa passa a ser rei?” estaremos a levar os nossos alunos a pensar sobre se  o simples facto de alguém usar uma coroa por si só garante, ou seja, é condição suficiente, para que essa pessoa passe a ser rei.

 

Bons diálogos!

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s