UMA ÁRVORE TRISTE_Filosofia com crianças

 

Um jardim onde todos os animais e plantas eram felizes. Todos menos uma árvores que era triste pois não conseguia dar flores nem frutos.

Um belo conto sobre persistência e aceitação, ouvir a “voz interior” e procurar “ser quem somos”.

Veja o conto completo no canal youtube de Jara Cuenta Cuentos

1 – Por que a árvore não consegue dar flores nem frutos?

2 – Deve continuar a tentar ou deve desistir?

3 – “Nunca devemos desistir”. Concordas?

4 – O que quer dizer “ser o que não és”?

5 – O que é a “voz interior”?

6 – O que nos ensina esta história?

 

Sugestão de “sessão tripartida” (trabalhar três temas/conceitos)

Dividir a história em 3 partes, cada uma correpondendo a um tema e a uma ou duas perguntas:

Primeira Parte – Contar até à última tentativa da árvore em dar flores ou frutos e perguntar

Tema – Desistir/Não desistir

1 – “O que deve fazer a árvore? Desistir de dar flores e frutos ou continuar a tentar?”

(é sempre bom propor uma pergunta destas pois alguns defenderão uma coisa outros defenderão outra)

Para dar alguma acção à sessão podes pedir aos alunos o seguinte:

“Quem acha que a árvore deve desistir cruze os braços, quem acha que deve continuar ponha as mãos na cabeça.”

Depois vai perguntando porque acham isso.

Após um diálogo sobre a primeira pergunta, para os mais velhos, podes propôr a seguinte pergunta:

2 – “É sempre mau desistir?” ou “Quando é que devemos desistir?”

Segunda parte – Retomar a história e contar até conselho da coruja:

Tema – Voz interior/pensamentos

3 – Nós temos alguma “voz interior”? (podes usar a expressão “temos uma voz dentro de nós?”)

Outra vez podes pedir para cruzarem os braços os que acham que não e mãos na cabeça os que acham que sim.

Se entretanto mudarem de opinião mudam a posição das mãos (refere isto para que saibam que podem mudar de opinião por ouvirem ideias diferentes das suas).

– Aqui, se os alunos não chegarem lá, podes perguntar:

4 – “Quando pensamos ouvimos uma voz dentro de nós?”

Com alguns grupos podes tentar questões como

5 – “Como surge os pensamentos?” ou “Controlamos os nossos pensamentos?”

Terceira parte – Contar a história até ao fim.

Tema – Ser como os outros

5 – “Por que é que a árvore quis ser como os outros?”

6 – “É melhor ser como os outros ou diferente dos outros?”

Final – Conclusão

Aqui podes fazer perguntas como:

“Qual a personagem que mais gostaram na história: a árvore ou a coruja?”

“O título da história é: A árvore triste. Concordam com este título?”

“O que aprenderam com esta história?”

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s