CAMINHADA FILOSÓFICA PELO PORTO

Caminhada_1_Jul_2013

 

Numa Caminhada Filosófica (feita em silêncio durante quase todo o percurso) procuramos encontrar o filosófico no banal, o abstracto no concreto, o universal no episódico. Para um conceito escolhido individualmente no início do percurso devemos encontrar um local onde ele faça sentido explicando-o ao grupo. Depois esperamos por uma pergunta que guardamos mentalmente e levamos connosco durante o resto do percurso.

É assim que quatro colunas num edifício em S. Bento da Vitória passam a significar os valores da Justiça, da Coragem, da Sabedoria e da Temperança e perguntou-se se “esses quatro pilares garantem a solidez do edifício humano?”

Mais à frente, na Viela do Anjo, quisemos saber se “a nossa impaciência deriva de não vivermos no aqui e agora?”

A Caminhada Filosófica é, assim, um pretexto para construirmos analogias, metáforas, espécies de pontes entre o real e o ideal. Nela passeamos sem “tagarelar”, atentos ao que vamos encontrando, ouvindo pontualmente algumas ideias que vão surgindo pelos outros participantes e elevando as nossas experiências mundanas, normalmente pontuais e fugazes, a um patamar mais estruturado e duradouro porque mais consciente.

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s