CAIXA DE PANDORA: O Olho da Imaginação

Este é mais um exercício da CAIXA DE PANDORA onde os alunos são desafiados a ver mais além daquilo que simplesmente veem, a descobrir o complexo e o misterioso onde normalmente só vemos o simples e o óbvio.

Para isso ensinámos aos meninos  o “truque do olho da imaginação”. O olho da imaginação é um olho que todos temos e que serve para vermos coisas que não conseguimos ver com os olhos da cara ou porque estamos com os olhos fechados e só vemos escuridão, ou porque essas coisas estão longe de nós como o nosso quarto com os nossos brinquedos, ou até porque não existem na realidade como um elefante amarelo

Depois de exercitado o olho da imaginação por uns minutos lançámos o desafio: O que pode ser isto? (linha ondulada desenhada no quadro).

Com esforço um grupo de adultos é capaz de nos dar umas 10, 15 interpretações diferentes deste desenho. Mas, como sabe qualquer pessoa minimamente atenta às crianças, se queremos ver além do simples e do óbvio não é aos adultos que nos devemos dirigir mas sim às crianças. As ideias que aqui vos deixo surgiram em catadupa numa sessão de Filosofia com Crianças (a última do ano) com os alunos da turma dos 3-4 anos d´O Barquinho:

– Isso podem ser olhos (apontando para os dois vales);

– Podem ser montanhas;

– Eu acho que é um escorrega;

– Um sorriso da boca de um menino;

– Uma cara;

– Um balão de S. João;

– Um cavalo;

– Um sumo;

– Um pato;

– Uma montanha pequena e uma montanha grande;

– Pode ser um gancho;

– Um camelo;

– Um peixinho;

– Pode ser uma escada;

– Um risco com duas montanhas;

– Uma montanha pequenina;

– Um princesa;

– A coroa de uma princesa;

– A saia de uma princesa;

– Eu acho que é uma serpente;

– Podem ser dois túneis com carros;

– Uma estrada com carros (vista de cima);

– Eu acho que é uma flor;

– Eu acho que é um cubo e uma baleia.

– Um cubo ou uma baleia, perguntei;

– Um cubo-baleia;

– São ondas do mar;

– Pode ser uma lagarta a transformar-se numa borboleta;

– Pode ser o banho (ondas no banho);

– Pode ser um quadro;

– Pode ser a Teresa (Educadora);

– Pode ser um ganso a papar um patinho!!;

– Uma montanha para cima;

– Uma lua;

– A Paula (Auxiliar);

Esta torrente teve de terminar abruptamente pois já passava da hora da sessão de Filosofia, no entanto os meninos continuavam empolgados com os dedinhos no ar a tentar sugerir “só mais uma ideia” para o meu caderninho da filosofia. Agora vêm aí as férias de verão e vou sentir a falta destes grandes pequenos filósofos… e o meu caderninho também.

Até para o ano! 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s